O sábado é de festa para o Coritiba. São 110 anos de histórias, de grandes conquistas e, dentro de campo, o time coxa-branca vai tentar ajudar o clube a reencontrar seu melhor caminho no duelo contra o Criciúma, às 16h30, no estádio Couto Pereira. O duelo contra o Tigre pode colocar o Verdão novamente no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro e, de quebra, marcar a arrancada do clube na reta final da Segundona rumo ao seu tão sonhado retorno à elite do futebol nacional.

O time coxa-branca vai entrar em campo um pouco mais aliviado. A vitória sobre o Guarani, na última terça-feira, no Couto Pereira, deu um pouco de paz à equipe comandada pelo técnico Jorginho, que sofreu com muitas cobranças antes e durante o duelo contra o Bugre. Serviu também para os jogadores pedirem desculpas ao torcedor, depois de terem sido flagrados em um festival sertanejo depois da derrota no clássico para o Paraná, no último sábado.

Dentro de campo, o Coritiba não teve uma grande atuação, mas teve uma atitude melhor e por isso venceu o Guarani por 1×0. Atitude essa que a Série B pede e que pode marcar, quem sabe, a arrancada do time alviverde para conseguir o acesso à primeira divisão do ano que vem.

“Isso que aconteceu acontece em todos os clubes. Conversamos internamente, acertamos a situação e o foco maior tem que ser lidar com os jogos. Tivemos uma postura melhor contra o Guarani. A torcida notou e nosso time teve uma mudança em campo. Desde o início da partida buscamos mais o gol e brigamos mais pela bola, o que não aconteceu no início do clássico. A mudança foi para melhor e vai continuar sendo”, garantiu o volante Serginho.

O duelo contra o Criciúma é o segundo da série de quatro que o Coritiba terá contra times que estão brigando na parte debaixo da classificação. Além do Guarani e do tigre catarinense, o Verdão, na sequência, vai enfrentar São Bento e Vila Nova, ambos fora de casa. Mas mesmo tratando-se de equipes que estão na rabeira, o time alviverde precisa estar atento para não voltar a tropeçar na Segundona.

 

“Não existe jogo fácil na Série B. É um campeonato muito competitivo. Temos que entrar com muita seriedade em campo para conquistar a vitória. Precisamos do torcedor com a gente. A gente queria demonstrar para eles que somos capazes no último jogo. Jogamos com raça, como eles pediram e conseguimos a vitória”, reforçou o atacante Nathan.

diante do Guarani, ainda não sabe se permanecerá no time. O técnico Jorginho, apesar de ter aprovado a atuação do jovem centroavante, deixou em aberto uma possível mudança. O próprio camisa 9 e o atacante Igor Jesus, que cumpriu suspensão, também disputam a posição. No meio de campo, o volante Matheus Sales foi julgado pela expulsão diante do Atlético-GO e terá que cumprir mais uma partida de gancho. Assim, o volante Serginho deve ser o titular contra o Criciúma.

Ficha técnica

SÉRIE B
28ª Rodada – 2° Turno

CORITIBA X CRICIÚMA

Coritiba
Alex Muralha; Diogo Mateus, Romércio, Sabino e Patrick Brey; Serginho, Juan Alano e Thiago Lopes; Rafinha, Robson e Nathan (Rodrigão).
Técnico: Jorginho

Criciúma
Luiz; Andrew, Sandro, Thales e Marlon; Jean Mangabeira, Wesley, Foguinho e Daniel Costa; Vinicius e Léo Gamalho.
Técnico: Roberto Cavalo

Local: Couto Pereira
Horário: 16h30
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa-PA)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Bárbara Roberta da Costa Loiola (PA)