Na estreia do técnico Mazola Júnior, o Londrina venceu o Cuiabá por 1×0 na casa do adversário e deu uma boa respirada na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Na parte intermediária da tabela, o Cuiabá vinha de sete jogos de invencibilidade na Arena Pantanal. Já o Londrina entrou em campo com o peso de três derrotas seguidas, que acabaram rendendo a cabeça do técnico Claudio Tencati, substituído pelo estreante da noite, Mazola Júnior.

O Tubarão criou a primeira boa chance do jogo com Paulinho Moccelin, depois do cruzamento de Juninho. Mas o atacante, mesmo livre de marcação, errou no toque final e desperdiçou a oportunidade. Na sequência, Léo Passos também quis arriscar, mais parou no corte de Ednei.

A partir daí, porém, o Cuiabá começou a jogar como o time dono da casa. Aos 14, Hélder aproveitou a bola alçada na área após a cobrança de escanteio e, sem marcação, mandou a bola rente ao travessão da meta de Victor Souza. Aos 26, foi a vez de Jean Patrick tirar tinta da trave. Ele recebeu na área, driblou e chutou forte, pelo lado direito da meta alviceleste. Dez minutos depois, foi Felipe Marques que quase abriu o placar de cabeça depois da cobrança de escanteio.

Aos 38, no entanto, valeu a máxima ‘quem não faz, leva’. Em uma das poucas investidas do Tubarão, Léo Passo invadiu a área e Toty chegou atrasado, não restando outra solução que não derrubar o adversário. O árbitro Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira assinalou a penalidade e o próprio Léo cobrou, colocando o Londrina na frente no placar.

Segunda etapa

A fim de fazer valer a melhor posse de bola pra virar o jogo, o Cuiabá voltou pra segunda etapa com o objetivo de ir com tudo pra cima do adversário. E com o Tuba aparentemente satisfeito com o 1×0, a iniciativa total era do time mato-grossense. Gilmar teve a primeira chance da etapa final ao bater colocado no canto, mas César estava ligado e fez a defesa.

Aos 23, Cesar comprovou, mais uma vez que estava ligado. Na tentativa de Paulinho, o goleiro do Tuba tirou com as pontas dos dedos. O mesmo Paulinho carimbou a trave pouco depois, dando um susto enorme na defesa do time paranaense.

Apesar do domínio do jogo, faltava calibragem nas jogadas de finalização do Cuiabá. Um exemplo foi o cabeceio por cima da meta de Jean Patrick, que recebeu sozinho no meio da área e desperdiçou a chance do empate.

Na 27ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Londrina volta a campo contra a Ponte Preta, em Campinas. Já o Cuiabá vai a Goiás, onde enfrenta o Atlético-GO, que está entre os quatro melhores da Segundona até o momento.

 

Ficha técnica

SÉRIE B
2º Turno – 26ª Rodada

CUIABÁ 0x1 LONDRINA

Cuiabá
Victor Souza; Toty (Léo), Ednei, Hélder e Paulinho; Marino (Alex Ruan), Djavan e Jean Patrick; Felipe Marques, Gilmar e Júnior Todinho (Lucas Braga).
Técnico: Itama Schülle

Londrina
César; Raí Ramos, Augusto, Lucas Costa e Juninho; Anderson Leite, Germano (Bertoto), Andre Moritz (Matheus Bianqui) e Higor Leite (João Paulo); Paulinho Moccelin e Léo Passos.
Técnico: Mazola Júnior

Local: Vila Capanema
Árbitro: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Marcus Vinicius Gomes (MG)
Gols: Léo Passos,  38 do 1º
Cartões amarelos: Marino (CUI), Júnior Todinho (CUI), Toty (CUI), Felipe Marques (CUI); Germano (LEC), Paulinho Moccelin (LEC), Raí Ramos (LEC)